Priscila Pamela, Flávia Rahal, Hugo Leonardo e Davi Tangerino: Mortes em Paraisópolis: não foi acidente!

Em artigo publicado na Folha de S.​Paulo, o sócio Davi Tangerino, ao lado de Priscila Pamela, Flávia Rahal e Hugo Leonardo, debate a morte de nove adolescentes após ação da Polícia Militar em um baile funk na favela de Paraisópolis, no dia 1º de dezembro de 2019, na zona sul de São Paulo.

“Não há saldo positivo resultante da ação ilegal em Paraisópolis. Nove vidas foram subtraídas e com elas sonhos, alegrias, realizações e esperanças. Nove famílias estão há meses em luto profundo, sendo sua dor agravada pela falta de horizonte de respostas sobre a responsabilização e reparação pela morte de seus filhos, irmãos e irmã. Apuração isenta é o mínimo que a sociedade brasileira espera.”

Confira o artigo completo.

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.